Diary Margarida

Margarida

18:04Carina Martins

Por vezes queria ser uma simples margarida a receber vento nas pétalas, sem nada que me afectasse. 
Sonhamos voar, mas nao temos asas, okay asas da imaginação mas farão elas o mesmo efeito? Oxalá que sim , já que não podemos voar , que tenhamos a possibilidade de sonhar, sim porque pelos menos isso nos é garantido.
E como é bom sonhar, há quem sonhe acordado, há quem passe a vida a sonhar, mas o sonho é apenas a ideia, o manuscrito, o ras
cunho, pra que algo aconteça há que agir. Sim, o agir mete medo, por vezes até panico, são decisões, são consequencias, são incertezas, mas no entanto se tudo chegar ao fim e correr bem , nao temos nada a perder. Quem me dera estar pelas ruas de algum lugar e ter a brisa a bater-me na cara , como as margaridas recebem nas pétalas, o suave toque , o arrepio que antecede. Algo de magnífico.
Hoje acordei e pensei em sonhar, mas com quê, com quem , com que objectivo? Até que ouvi uma voz bela e talvez até insignificante dizer-me : "Vem brincar comigo", e ali estava eu a "brincar" com a mente a divagar sobre o sonho, no entanto no sorriso resplandecia a felicidade, a vontade de querer apenas brincar e nao querer ter que dizer sim ou não ás decisões que a vida nos dá aos trambolhões!
Por agora queria um só abraço que me disesse que tudo iria acabar bem, e como contributo lhe sorria com a maior sinceridade do mundo, aí nascia um sentimento , algo que uns dias iria causar dor, noutros uma felicidade indiscritivel, mas sem os "trambolhões", qual seria a piada de chegar á meta. De que forma iriamos dar importancias ás pessoas , aos "feelings"...Agora só me lembro da frase que ouvi um dia desses, naqueles dias iguais a tantos outros mas que nos marcam "love is like the wind i cant see it but i can feel it"

No final , o que eu queria era ser uma margarida com a brisa do vento nas pétalas..

You Might Also Like

0 Feelings

Obrigada meus queridos pelos comentários :)
Thanks my darlings for comment my blog :)